domingo, 8 de fevereiro de 2009

SONHO

Sonho que te quero sonho!
Tu pareces tão real !
Senti na minha carne
Realidade sem igual!

Viajei por muitos mundos
Mergulhei por muitos mares,
Vivi cenas proibidas
Por meu corpo jamais exibidas

Mundo distante e fugaz
Na quietude da noite
Se rotula e se faz

Angustiante, às vezes terrível
Delirante com libido
Nos parece tão verdadeiros
Feito filmes de bom roteiro

São momentos de poucas verdades
De intensas fantasias
Sonho que te quero sonho!
Acordei! Amanheceu o dia!

Graça Matos
08/02/09

2 comentários:

  1. É... seu blog já faz parte do meu cotidiano.
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  2. Belo demais este.

    Maiane Malaquias

    ResponderExcluir